“O Zika Virus não justifica a defesa do aborto para casos de microcefalia”, denunciam bispos do Brasil

A CNBB fala sobre o combate ao mosquito Aedes Eagypti e o Dia do Enfermo

Duas foram as mensagens que a presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lançara essa tarde, durante a reunião do 1º Conselho Episcopal Pastoral desse ano. Uma sobre o combate ao mosquito Aedes Eagypti e a outra por ocasião do Dia do Enfermo.

 

“O autêntico amor para com os enfermos exige que nos comprometamos com a construção de políticas públicas de saúde que atendam dignamente o ser humano em suas necessidades básicas”, afirmam os bispos na mensagem sobre o Dia do Enfermo.

Portanto, diante do quadro atual, “a gravidade da situação levou a Organização Mundial da Saúde a declarar a microcefalia e o vírus zika emergência internacional”, afirma, em seguida, a mensagem que trata da urgente questão do combate ao mosquito transmissor do Zika – ambas lidas pelo vice-presidente da CNBB, Dom Murilo Krieger, e publicadas no site oficial da CNBB.

“O estado de alerta, contudo – continua essa última – não deve nos levar ao pânico, como se estivéssemos diante de uma situação invencível, apesar de sua extrema gravidade”.

O Zika não deve ser justificativa para o aborto

Porém, alertam os bispos, “tampouco justifica defender o aborto para os casos de microcefalia como, lamentavelmente, propõem determinados grupos que se organizam para levar a questão ao Supremo Tribunal Federal num total desrespeito ao dom da vida”, denunciam os bispos.

Nesse sentido, os bispos conclamam aos poderes públicos a uma atuação mais eficaz dado que “a eles cabe implementar políticas que apontem para um sistema de saúde pública com qualidade e universal”.

Essa atual circunstância, entretanto, deve ser vista como um obstáculo insuperável que impossibilita as famílias de terem filhos agora?, ou, em outras palavras, é melhor que as famílias não tenham filhos agora?, perguntou ZENIT ao presidente da CNBB, Dom Sergio da Rocha, o qual respondeu dizendo que os bispos, com essa mensagem, estão pedindo ao governo uma assistência preventiva, mas que, se caso as famílias vierem a ter filhos, lembrem-se sempre que o valor e respeito à vida são absolutos, ainda em caso de contaminação pelo vírus.

Dom Leonardo Ulrich, secretário geral da CNBB pediu ao governo materiais divulgativos, “folders”, a fim de que a Igreja, com a sua grande capilaridade, possa ajudar na educação ao combate do mosquito.

“O princípio de tudo é a educação e a corresponsabilidade – diz a nota – Por isso exortamos as lideranças de nossas comunidades eclesiais a organizarem ações e a se somarem às iniciativas que visem colocar fim a esta situação”, solicitando, então, que “as ações de competência do poder público sejam exigidas e acompanhadas”.

Às 18h15 de hoje, segundo confirmou o próprio secretário-geral da CNBB, a presidência do órgão terá um encontro com a presidente da república, Dilma Roussef. Segundo Dom Murilo a reunião foi solicitada pela própria presidente a fim de pedir a ajuda da CNBB no combate à esta epidemia.

Para Dom Leonardo o diálogo que a CNBB mantém com o governo é sempre franco e aberto. Para o secretário-geral o Brasil já avançou muito em estruturas sanitárias, apesar da situação continuar alarmante e precária.

O motivo da reunião com a presidente do Brasil, afirmou, por fim, Dom Sergio da Rocha, é que tal epidemia de Zika que o povo está enfrentando não pode somente ser enfrentada pela Igreja católica, mas deve, principalmente, ser levada adiante pelo Governo, com a ajuda das diversas instituições, e de cada pessoa.

Anúncios

Salve Maria! O Blog Centro da Família Coração de Jesus agradece o seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: