Quem era Jacques Hamel, o padre morto pelo Estado Islâmico enquanto celebrava missa

Sacerdote de 86 anos poderia ter se aposentado, mas preferiu continuar a servir os fiéis em sua comunidade

Foto: Paróquia de Saint Etienne/divulgação

Na manhã desta terça-feira (26/07), dois homens armados com faca invadiram a igreja de Saint-Etienne (Santo Estêvão), uma das duas paróquias do município de Saint-Etienne-du-Rouvray, na Normandia, no norte da França, durante a celebração de uma missa. Os agressores, ligados ao Estado Islâmico, degolaram o padre Jacques Hamel, vigário paroquial, antes de serem mortos pela polícia. Outra pessoa ficou ferida e está em estado grave. O jornal Le Figaro conversou com algumas pessoas próximas e traçou um perfil do padre, de 86 anos.

Jacques Hamel nasceu em 1930, em Darnétal, a apenas onze quilômetros da cidade em que trabalhava ao ser assassinado, e foi ordenado em 1958. Como vigário paroquial, celebrava a liturgia na paróquia de Saint-Etienne na ausência do pároco, o congolês Auguste Moanda-Phuati. “Era um padre corajoso para a sua idade. Os padres têm o direito de se aposentar quando completam 75 anos, mas ele preferiu continuar trabalhando a serviço das pessoas, pois ainda se sentia forte”, disse o pároco ao jornal Le Figaro, com a voz embargada pelo choro.

Hamel dizia que não havia padres suficientes e que ainda podia exercer seu ministério. “Era muito querido, um homem bom, simples, sem extravagâncias. Aproveitamos muito a sua experiência e a sua sabedoria na paróquia de Saint-Etienne. Ele esteve a serviço das pessoas praticamente a vida inteira”, contou o pároco, que interrompeu suas férias para encontrar os paroquianos o mais rápido possível.

“Almoçávamos juntos quase toda semana. Era um homem muito humilde, de uma grande discrição e atenção. Quando chegava para as nossas reuniões dos padres do sul de Rouen, sua presença era sempre como um raio de sol”, disse Aimé-Rémi Mputu Amba, pároco de Sotteville-lès-Rouen.

“Mesmo em sua idade avançada, estava sempre envolvido com a vida da paróquia. Nós lhe dizíamos com frequência, brincando: ‘Jacques, você faz muita coisa, está na hora de se aposentar’, e ele respondia: ‘Você já viu um padre aposentado? Eu vou trabalhar até meu último suspiro’”, contou Amba.

Em uma carta aos fiéis, publicada em junho no site da paróquia, Hamel dizia: “Possamos nós ouvir o convite de Deus para cuidar desse mundo, tornando-o, lá onde vivemos, um mundo mais caloroso, mais humano, mais fraterno”.

Homem de diálogo

Mohammed Karabila, presidente do Conselho Regional do Culto Muçulmano da Normandia, contou sobre o trabalho realizado juntos. “Nossas comunidades religiosas trabalharam juntas com frequência. Desde que começaram os atentados na França, tivemos reuniões no comitê interconfessional e nos comunicávamos frequentemente”, disse Karabila, que descreve Hamel como “um homem de paz, de religião, com certo carisma. Uma pessoa que dedicou sua vida às suas ideias e à sua religião. Ele sacrificou sua vida pelos outros”.

O arcebispo de Rouen, Dominique Lebrun, estava na Polônia para a Jornada Mundial da Juventude, que começa hoje, mas voltou para sua arquidiocese. “A Igreja Católica não pode pegar em outras armas a não ser a oração e a fraternidade entre os homens. Estou deixando centenas de milhares de jovens que são o futuro da humanidade, o verdadeiro futuro. Peço a eles que não cedam à violência e se tornem apóstolos da civilização do amor”, disse Lebrun.

Nas condolências enviadas a Lebrun em nome do papa Francisco, o cardeal Pietro Parolin, secretário de Estado do Vaticano, diz que o pontífice “está particularmente abalado por esse ato de violência que se deu dentro de uma igreja durante uma missa, ação litúrgica que implora de Deus a sua paz para o mundo”.

 

Com informações de Le Figaro, Catholic Herald da Sala de Imprensa da Santa Sé.

http://www.semprefamilia.com.br/

 

Anúncios

Salve Maria! O Blog Centro da Família Coração de Jesus agradece o seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: