BEM-AVETURAS

Admiramos pessoas inteligentes, pessoas sábias, pessoas competentes em suas tarefas, pessoas espertas em seus negócios, pessoas de bom coração. Admiramos pessoas que consideramos santas em suas atitudes e em sua convivência. Admiramos. E possivelmente permaneceremos nessa atitude de admiração.

Mas é preciso aceitar que todos os seres humanos são dotados de qualidades muito pessoais. Cada qual com suas características e seus dons. Inteligência todos possuem. Talentos todos têm. A busca da verdade e da realização todos alimentam e esforçam para alcançar.

Resultado de imagem para BEM AVENTURAS

E quando alguém falar em santidade surgem as mais variadas atitudes. Julgam que essa característica é para pessoas especiais, pessoas diferentes, pessoas que vivem um mundo diferente e difícil. Suas atitudes e suas ações fariam essa diferença. Não acreditam que essa santidade seja para todos e para cada um.

No entanto, sabemos que todos os seres humanos possuem esse dom e essa graça. Santidade não é privilegio. É chamado. E em todo o chamado existe uma tarefa, ou uma missão. Esse chamado envolve sentimentos, emoções e vontade de ser alguém muito especial, sabendo, contudo, que vivemos em meio a limitações e inseguranças.

Também teremos que contar com desafios. O desafio de ser alegre numa sociedade marcada por tantos aborrecimentos. Ser desprendido em meio a tanto egoísmo. Ser manso em meio a tanta violência. Ser justo em meio a tanta corrupção. Ser misericordioso em meio a tanta falsidade. Ser puro de coração em meio a tanta ganância. Apostar na paz em meio a tantas guerras absurdas. Aceitar a perseguição e até a calúnia por causa da fé que professa e do amor que alimenta. Ser de Deus no meio de tantos demônios.

São desafios que perturbam as mentes de tantos que ainda não entenderam a proposta do Mestre dos mestres. Ao propor esse projeto de vida sabia das dificuldades que enfrentaria junto aos seus seguidores. Mas manteve firme sua posição e seus objetivos. Não estava para agradar, mas para assegurar a recompensa a todos quantos decidissem segui-lo.

Assim proclamou bem-aventurados os pobres no espírito, os que choram no abandono, os que têm fome e sede de justiça, os misericordiosos, os puros de coração, os que promovem a paz, os que lutam pelos direitos humanos. Todos esses estão no caminho da santidade. Cada qual a seu modo e de acordo com sua capacidade em desenvolver alguma ação em favor da vida.

Não há crença, ou religião que seja única. Desde que respeite e vivencie essa proposta do Mestre, todas elas terão conteúdos e direcionamentos para a felicidade plena e para a salvação eterna. Os caminhos são muitos. O objetivo é um só.

Deus é um e único. Os meios de chegar a ele são muitos. Cada qual deverá descobrir o melhor. Não apenas para si. Mas também para quem esteja a seu lado. O respeito é sagrado. A proposta é livre. O compromisso é sério.

Mesmo que não creia nessa santidade sentirá algo inexplicável em sua mente e em seus pensamentos. Algo que levará a buscar o infinito no pensar e o eterno no existir.

Frei Venildo Trevizan

 

Anúncios

Salve Maria! O Blog Centro da Família Coração de Jesus agradece o seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: