Convite Para Tarde de Retiro

Retiro Maio jpg

Estão todos convidados. Venha e traga sua família.

X SEMINÁRIO DE BIOÉTICA

Venha participar do curso X Seminário de Bioética ” A pessoa  humana é um fim e não um meio!” .

Data: 17  de Maio de 2017

Você é nosso convidado especial.

Para fazer sua inscrição: Ficha de inscrição de bioética

 

Continue lendo

Mensagem de Natal do Instituto Coração de Jesus

cartaodenatal

CONVITE

Neste Ano Mariano Missionário, convidamos para a Solene Celebração do Hino Bizantino Akáthistos, que acontecerá no próximo dia 7 de dezembro (domingo), às 19:00h, na Catedral Metropolitana.

Convite

Convidamos a todos os interessados para participarem do curso sobre “Métodos naturais de regulação e fertilidade em vista de uma paternidade e maternidade responsável”. (Método Billings)

Conferencista: Dr.ª Marli Virgínia G. M. Lins e Nóbrega.

Promoção: PUC-GOIAS e Centro da Família Coração de Jesus.

Local: Auditório da ÁREA IV DA PUC GOIÁS.

Data: 16/09/2014

Horário: das 19:30h às 21:30h  – Inscrição gratuita.

OBS.: CONTA COMO HORAS AULA

O curso é direcionado aos acadêmicos da área de medicina, enfermagem e áreas afins, bem como aos agentes da pastoral familiar e pessoas interessadas a aprofundar o conhecimento sobre os métodos naturais, buscando viver e agir segundo as orientações da Igreja, conforme a vontade de Deus.

A paz inicia pelo valor que damos à vida, dom de Deus!

Venham participar. Esperamos por vocês!

Os interessados devem realizar inscrição pelo telefone (62) 3087-7702, de segunda à sexta em horário comercial, ou pelo e-mail centrodafamiliacj@hotmail.com

Carta de sepultamento da Irmã Pia

Goiânia, 20 de agosto de 2014Ir. Pia2

 

     Queridas Irmãs,

     queridos familiares da nossa Irmã Pia,

     queridos familiares das Irmãs,

     queridos membros dos nossos Círculos de Amigos,

     O dia 18 de agosto – dia cheio de sinais de amor de Deus para conosco!

Às 6h30, Deus chamou a nossa Irmã Pia, agora liberta de todo o sofrimento, ao seu Reino da vida em plenitude.

Experiência singular, seu longo tempo de quase cinco meses na UTI. Choque séptico, pneumonia, insuficiência renal e a doença Alzheimer abriram à Irmã Pia as portas para a eternidade. Umas semanas atrás, entregamos um crucifixo à enfermeira chefe da UTI pedindo que a colocasse sobre o coração da Irmã Pia, na hora de sua passagem; e assim ela fez. No domingo, dia 17, celebramos no Brasil a festa da Assunção de Maria. Fui visitá-la e disse no seu ouvido que as Irmãs, a Maria e a Helena mandam saudações; que hoje é festa de Nossa Senhora que, na hora de Deus, ela vai levá-la bem perto de Jesus; pode ir em paz e no céu não se esqueça de nós aqui na terra. Joguei água benta e saí.

E assim aconteceu. Nós Irmãs da Casa Regional, ao recebermos esta notícia, fomos logo, como primeiro sinal de nossa união com Irmã Pia, diante do tabernáculo pedindo para sua alma a plenitude da vida e da alegria. Em comunidade organizamos as tarefas deste dia e já iniciamos o serviço telefônico. Logo vieram nossas Irmãs, das comunidades mais próximas, cada uma, com muita calma e entrega, assumindo algo que devia ser feito.

As pessoas começaram a chegar à Casa Regional, onde Irmã Pia foi velada. Familiares das nossas Irmãs, membros dos Círculos de Amigos, representantes do Coral ‘Cantando vou’, líderes das cidades onde Irmã Pia atuava: Aurilândia, Paraúna, São Luís de Montes Belos, Cachoeira, Adelândia e também Goianira, paroquianos de nossa Paróquia Nossa Senhora de Fátima, representantes de várias Congregações lotavam a sala, a capela e os corredores. Ela que vivia nos últimos tempos no silêncio da casa, agora reuniu mais que 170 pessoas em torno de si. Não foi mais a sua atividade, mas o seu ser que falava alto e irradiava.

Emocionante foi o testemunho de uma senhora muito pobre que veio de Cachoeira, 150 km distante de Goiânia, que disse: eu quero ver Irmã Pia e quero ir com o vestido que ela, há muitos anos atrás, me deu; e ela viu Irmã Pia, coberta de rosas brancas, com o livro de vida, a Regra Espiritual, em cima do coração e o semblante repleto de paz. De fato, por onde Irmã Pia andava, ela deixava rastros de amor pelo seu amor aos pobres e seu ardor de anunciar a Boa Nova do Evangelho, fazendo jus ao seu lema: “Ai de mim se eu não evangelizar!”

Ficamos gratas por tanta gente que participou conosco da Celebração Eucarística, presidida pelo nosso Arcebispo, Dom Washington Cruz, e concelebrada por mais três sacerdotes. Mário Filho, do Coral, veio correndo do aeroporto para alcançar a Missa às 15h30, pois queria tocar o teclado nesta Celebração. Antes de iniciar a Santa Missa agradeci a todos, também em nome da Irmã Rita, nossa Dirigente Geral, e a Deus pelo dom da vida e da vocação da Irmã Pia. Também a Prefeita de Aurilândia agradeceu o testemunho da Irmã Pia e seu incansável engajamento na obra da evangelização.

Dom Washington, em sua homilia, nos falou com palavras cheias de calor, tocando no cerne da vida consagrada, contando: um repórter falou para uma Irmã missionária na Índia: por que a senhora está aqui, enquanto podia estar em sua terra natal, gozando o amor de uma família, rodeada de filhos e netos? Ela pensou e respondeu com firmeza: eu precisava de um grande amor!

Ele continuou: assim era também para Irmã Pia, a razão de sua vida foi este grande amor a Jesus.

Antes de partirmos para o cemitério, um funcionário da funerária, admirado com o clima de paz e tranqüilidade, pediu um sinal religioso, pois viaja muito. Entregamos um terço simples de plástico e uma pequeninha estatuazinha da Sagrada Família com uma oração. Ficou muito feliz. Logo puxou o seu colega, intercedendo por ele; então entregamos também a ele um terço e uma medalha. Muito feliz, este, por sua vez, intercedeu pelo terceiro colega e entregamos também a ele uma medalha. Falamos que Deus está sempre presente em todos os caminhos por onde eles vão andar e com muita piedade colocaram estes objetos em sua bolsa e carteira. Parecia que Irmã Pia não tivesse partido para a outra vida, mas estivesse ainda, no último dia, exercendo o seu apostolado tão simples e eficaz.

Por três vezes, o pároco de nossa Paróquia, Pe. Rafael, esteve conosco: na bênção da encomendação, na Celebração Eucarística e agora no sepultamento no cemitério. Com ele estavam mais dois sacerdotes participando. Amigos e familiares das Irmãs acompanharam conosco o translado dos restos mortais da Irmã Pia para o sepulcro, ao lado da Irmã Maria Agnes. Nós Irmãs e familiares das nossas Irmãs que não puderam estar presentes (Tocantins, Angola e Alemanha) fizemos chover rosas brancas em cima do caixão; eu em nome da Maria e Helena, sobrinha e irmã da Irmã Pia, respectivamente, e demais familiares. Mais uma vez intercedemos por ela e com orações e cantos nos despedimos.

Novamente nos reunimos na Casa Regional para um encontro de conclusão do dia tão abençoado. Na partilha espontânea houve somente motivos de ação de graças. Um casal da França agradeceu de ter podido participar de um enterro assim, com tanta tranqüilidade e paz. Foi lembrada a palavra das enfermeiras da UTI, que Irmã Pia era uma paciente especial, transmitia-lhes paz; terão saudade das Irmãs, que todos os dias, ao longo destes meses, vinham visitar Irmã Pia na UTI.

Uma breve palavra das nossas Irmãs que vivem em missão além fronteiras. Nossas Irmãs em Angola, como também as comunidades em Tocantins, acompanharam-nos neste dia com sua oração. As Irmãs missionárias escrevem: “…. no início da noite fizemos uma celebração das Exéquias, onde entoamos o canto ‘RESSURGIDO ESTÁ JESUS’ que ela gostava de cantar na Páscoa, unindo-nos espiritualmente ao momento da Missa de corpo presente e posteriormente ao sepultamento. … Recordamo-nos dos muitos e bons momentos com ela, seu testemunho de alegria, devoção e fé. … Guardamos a nossa querida Irmã Pia em nossos corações e pedimos que ela interceda ao Pai por nós…”

Também a Região Sul manifestou sua solidariedade, dizendo que o momento da despedida da Irmã Pia “… certamente é um momento de renovação de nossa fé na vida eterna. …”

Nossas Irmãs na Alemanha, além da comunhão conosco na oração, celebrarão na próxima sexta-feira, dia 22.08, a Santa Missa pela Irmã Pia na Capela Coração de Jesus e se sentirão unidas a nós.

Agradeço às nossas Irmãs, Ir. Maria, Ir. Francisca e agora por último os longos meses na UTI, à Ir. Vera – a sua dedicação amorosa no cuidado pela Irmã Pia.

A palavra que Irmã Pia escreveu a uma Irmã no dia do envio para o seu apostolado, seja dirigida, nesta hora, também a cada uma e cada um de nós:

“... Agora chegou a hora de semear a boa semente

que Deus colocou em seu coração!

‘Ai de mim se eu não evangelizar!’…”

Agradeço em nome de toda a Comunidade pelos sinais de solidariedade e pela presença e orações por nossa Irmã, Deus lhes pague a todos.

Fraternalmente, Irmã Joana

Palestra sobre família

É com muita alegria que Centro da Família Coração de Jesus convida a todos para participarem de uma palestra sobre a família, com Dom João Wilk.
 
Data: 18/08/2014 (2ª feira)
Horário: 19h45
Local: Centro da Família Coração de Jesus
Endereço: Rua 55 nº 887 Setor Central
Fone: 30877702
%d blogueiros gostam disto: